quinta-feira, julho 28, 2011

# 14 _Projecto Poemagem (2º)


photo by Adriana O. / Texto de Cris H.



e se me deixares ir até ao fundo da linha?
Desembarcava no único traço que te conheço e

ensinavas-me de olhos fechados a cor do orvalho que vês pela manhã.

sexta-feira, julho 15, 2011

# 13 _Projecto Poemagem (2º)



Photo by Adriana O. / Texto de Cris H.





abrir as palavras
detê-las
constantemente no encruzilhar dos teus dedos,
ou, do sinal do provir,
do relançar
para além...
há sempre a luz do "não" dito,
ou somente o desejo
de omitir -
com os lábios tudo se diz em luz
aberta,
só os fechamos quando o olhar nos trai




sexta-feira, julho 08, 2011


Photo by me @ Porto




Sacode as nuvens que te poisam nos cabelos,
Sacode as aves que te levam o olhar.
Sacode os sonhos mais pesados do que as pedras.
Porque eu cheguei e é tempo de me veres,
Mesmo que os meus gestos te trespassem
De solidão e tu caias em poeira,
Mesmo que a minha voz queime o ar que respiras
E os teus olhos nunca mais possam olhar.



Sophia de Mello Breyner Andresen


domingo, julho 03, 2011

# 12 _Projecto Poemagem (2º)


photo by Adriana O. / Texto de Cris H.







Não me perguntes em que horizontes ando nem em que espaços me escondo. Não me perguntes em que noite lunar ou em que manhã solar me refugio. Aquilo que sou está demasiado esfumado para me acreditar.