sexta-feira, setembro 21, 2007

**************Faltaste-me em todos os dias
em que acordei***********************

por isso "exijo" de ti o agora******




***** (algures em Lx pelo meu olhar )


+


"Conheço as palavras pelo dorso. Outro, no meu lugar, diria que sou um domador de palavras.[...] Sim. Conheço as palavras. Tenho um vocabulário próprio. O que sofri, o que vim a saber com muito esforço fez inchar, rolar umas sobre as outras palavras. As palavras são seixos que rolo na boca antes de as soltar. São pesadas e caem. São o contrário dos pássaros, embora «pássaro» seja uma das minhas palavras[....]"

*

Ruy Belo
in
Homens de palavra(s)