terça-feira, junho 06, 2006

[ tão simples
como

não existir;
ou

simplesmente
o facto de
andar p´los
subterrâneos da alma ]

......
..
.
chorar [0]
não chorar [1]






"Hoje não estou cá
.................. .............................morri para obras."



A. M.




9 comentários:

pantera disse...

É de uma enorme sensibilidade o que partilha neste cantinho.
Mesmo não estando, é grande o que transmite.

A. disse...

A. said...
choro ao passar por aqui
não choro com pessoas raras

...espaço que me toca,espaço em que encosto e descanso.estou em casa...tudo faz parte dum mundo que agarro com tanta força.

um gosto...
não gosto...

obrigada por ter passado por mim,assim.
um imenso abraço.
ana.

BloodyMary disse...

Morreste para obras nos subterrâneos da alma.
Afinal, uma solidão tão enraizada na vida...

Amanhã cá estarás...

A. disse...

...e quando voltas?
sem chorar se puder ser.

Anónimo disse...

Volta depressa, pleeease

Dark Side disse...

Este efeito do rato é muito giro, gostava de saber como se faz.
Quanto ao resto do blog apenas posso subescrever os outros comentários.

Musician disse...

Hummm...
Deixo-te entao um grande beijinho*

blue kite disse...

Já consegui. Não sei o que aconteceu. Mas tu já sabes como eu sou nestas coisas.
De qualquer modo, é só para te dizer que também tenho saudades de falar contigo. Também ando naquela fase ....

A ver se a gente se cruza no msn.

walk on

A. disse...

...onde andas.

choro(1)