segunda-feira, março 28, 2005

tinta preta
taken by SombrArredia

7 comentários:

João Garcia Barreto disse...

Bonita pintura... E já leste o livro do Girão?

sombr|A|rredia disse...

não é uma pintura! é mesmo uma foto ;)

Anónimo disse...

Em que sombras da calçada te esconderás amanhã?


Sistermoonshine

paula. disse...

é calçada portuguesa concerteza :)

bjos

Anónimo disse...

E quantas pedras calcorreadas pelos nossos passos?

RoSe_

Marco António disse...

Um Sopro que vem e que vai passando pela intemporalidade do tempo na procura de um tempo perdido do futuro no passado que é do presente....
Adorei e já linkei...

Carlos disse...

Há algo comum ao Sopro e à Cidade Surpreendente ;)